primeira pessoa

Vamos chamá-las de Janaina e Patrícia. Ambas têm cabelos negros, são mães e trabalhadoras do sexo em Porto Alegre. Sabiam que eu estava espiando pela grande fresta do cubículo onde recebem os clientes. Estavam num momento de "folga". Se eu queria acompanha-las até suas moradias? Claro que sim.

frestas

28.11.2018

"Antropologia, um filtro necessário", Paula Morgado.

" Procuro minha família há 63 anos", Odair Bento Ferreira, 68.

Eterna busca

I prefer being a ladyboy.

I am Chelsy, just at night

"é aqui que pediram um táxi?!" ela pergunta ao cliente quase incrédulo.
(produção: Luna Venanzi)

Rafaela Martins, a taxista que virou miss

Silvanir Rodrigues da Silva, 50, auxiliar de limpeza.

" Ontem eu chorei a noite toda "